Microcontos

23/02/2014 14:19
_ “Depois de tanto verbo a pessoa morre”   _ Foi assassinato? _ Suicídio _ Alguém tentou ajudar, CVV e tal? _ Sim, contudo, era um suicida convicto, corajoso e feliz, fã da Karina Bhur.
22/02/2014 12:58
Nos labirintos dos desencontros a porta de saída é dar de ombro com o novo encontro, inusitado e ingênuo, na saia justa do momento. 
20/01/2014 14:37
Absolutamente [in]segura dos seus sentimentos resolveu justificá-lo a todo custo, deixou a dignidade de lado, mudou alguns versos, ignorou as fontes orais presentes e investiu pesado na hipérbole, afinal sensacionalismo é tudo na jogada midiática da autonegação e no processo antitético da sedução,...
12/01/2014 02:31
Corria sem direção no ranço temeroso daquela paixão. E nos encontros com sua escuridão caia nos braços da excitação. Qualquer genitália uma simples observação das armadilhas de sua sofreguidão. O tiro saia pela culatra. Armários amassados. Dentes quebrados. Espíritos desolados de um amor...
13/11/2013 01:27
Com a bússola em mãos localizaram-se, ouviram as batidas do coração, abriram as portas com suas chaves mestras ( יה ו ה ), trancaram-se e foram livres para sempre.
20/10/2013 23:39
Travestidas em suas máscaras de oxigênio entraram no armário, permaneceram com os namorados do lado de fora e morreram asfixiadas pela lei da gravidade.
10/10/2013 01:50
Entre o silêncio e a palavra o que os unia era o eco, diria Umberto.
04/10/2013 01:28
Uma vez padeceu de uma paixonite surreal, sui generis sacerdotal. Atacara ao Sul do trópico de Capricórnio em Pindorama, implosões, fungos e papéis. Foi no médico, diagnóstico final: conjuntivite exógena aguda. O plano não cobria. Lembrou daquela preta velha, orientadora de tempos antigos, diante...
27/09/2013 11:27
Dizem que nesse dia a esperança se fortalecia e se esquecia das dores, todos os pequenos desse planeta azul brincavam, comiam e adormeciam, não havia castigo, nem esmola, nem abandono, nem fome... Dizem que nesse dia é dia de pura alegria e um coração puro prevalecia. O peso do calendário se...
07/09/2013 19:32
  O dilúvio visitou os olhos da menina do lago que se protegia com seus óculos de guarda-chuva. Lembrou da vizinha que tinha alguns pares extras mais resistentes, resolveram esperar juntas a chuva passar. Foi um fim de semana de trovoadas, alguém disse; outros disseram que só uma pessoa morava...
<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>